Notícias do Campo – Potencialidade do solo

Potencialidade do solo

sergio 0

SoloHistoricamente falando, o potencial produtivo de um solo sempre foi avaliado de acordo com a fertilidade deste, ou seja, pela quantidade de nutrientes encontrados na terra. Apesar da importância desse dado, esta é apenas parte das características necessárias para que um solo possa ser considerado de grande potencial produtivo.Uma planta, ou uma plantação precisa ser “bem nutrida” e isso não só acontece se há uma quantidade suficiente de nutrientes na terra mas, também, se a planta ou plantação consegue absorver devidamente esses nutrientes através da água disponível no solo e se ela consegue metabolizar, através do processo de fotossíntese, os nutrientes que foram absorvidos.

Para que haja a absorção e metabolização adequadas, a planta ou plantação, precisa de uma quantidade de oxigênio, que esteja disponível no solo. Sem uma aeração adequada, o solo, mesmo que rico em nutrientes, não será capaz de “ajudar” a planta em seu processo de absorção de elementos nutritivos.

Como podemos ver, uma análise da quantidade e a qualidade dos elementos nutrientes num solo não é um dado definitivo para garantir bons resultados em uma plantação. A quantidade de água disponível no solo, sua permeabilidade a ela, além da aeração são fatores vitais para o desenvolvimento das plantas.

Não se discute que a quantidade e a qualidade dos nutrientes encontrados no solo, também chamada de fertilidade química, é o fator primordial para a viabilização de uma plantação. Por este motivo a correção das características químicas do solo é uma providência das mais importantes. Uma correta análise do solo e o uso de fertilizantes químicos ou adubação natural é uma premissa básica que deve ser adotada antes do plantio, durante o processo de desenvolvimento das plantas e após a colheita, antecipando um novo plantio.

Fonte: Rural News

Deixe uma resposta »